Arquivo da categoria: Sem categoria

APRENDA A ESCREVER CURRÍCULO PARA TEATRO

jovem-mulher-usando-computador-em-oculos-verdes-no-parque_1421-165

Quando buscamos um emprego, precisamos ter em mãos um currículo, que contará com o seu histórico de experiências, educação e vida profissional. O mesmo tipo de informação deve ser posto em um currículo para teatro, concentrando-se em suas apresentações teatrais, educação formal e experiência no ramo. Caso já tenha trabalhado para um diretor conhecido, ou se teve um papel como protagonista, lembre-se de escrevê-lo. Não é necessário listar tudo o que você já fez, mas apenas os papéis e eventos principais.

🎬 1º Passo – Certifique-se de que o seu currículo contenha todas as seguintes informações (que se apliquem à sua experiência em particular).

🎬 2º Passo – Use um formato que assegure que a informação seja mostrada na ordem em que usaremos aqui.

🎬 3º Passo – Comece a listar a experiência com o mais recente e continue até alcançar o inicial, por último. A primeira coisa que será lida em seu currículo será a sua experiência e os últimos trabalhos, então se lembre de enfatizar tudo o que, de importância, houver em nomes, datas e apresentações teatrais que tenham acontecido mais recentemente.

🎬 4º Passo – Escreva o seu currículo tão resumidamente quanto possível, de forma a ter o tamanho de uma folha A4 ou A5, cuidadosamente grampeado com uma fotografia em cada canto. Tempo é crucial em um teste, e um currículo será rapidamente visualizado. É a sua apresentação que lhe dará o trabalho. Coloque no currículo as seguintes informações:

• Nome
– Endereço de e-mail e número de telefone
– Uniões ou sindicatos, se aplicável
– Agências, se aplicável
– Altura, peso, cor de cabelo, cor de olhos
– Amplitude vocal

• Apresentações
– Teatro
– Nome do espetáculo
– Papel
– Diretor

• Excursões
– Nome do espetáculo
– Papel
– Teatro
– Diretor

• Regionais:
– Nome do espetáculo
– Papel
– Teatro
– Diretor

• Cinema
– Título
– Papel
– Estúdio
– Diretor

• Televisão
– Título
– Papel
– Estação
– Diretor

• Comerciais
– Produto
– Regional
– Nacional

• Treinamento e educação formal
• Habilidades especiais: Dialetos, esportes, música, etc.

🎬 • Importante: Nunca minta. As suas referências e apresentações serão conferidas. Mentir pode trazer danos a todo o seu futuro, já que poderá ter sido colocado na lista negra de quaisquer testes previstos no futuro.

🎬 Algumas dicas importantes:

– Se vista bem. Essa será uma entrevista de emprego, e você deve estar bastante atraente.
– Seja sempre honesto em suas respostas
– Seja sempre você mesmo.
– Se você não está certo de como fazer um currículo adequado a um diretor ou agente, peça a um contato ou amigo que já se tenha estabelecido que o veja ou contate um consultor com serviços de auxílio a atores.
– Não invente coisas ao descrever estatísticas pessoais como altura, peso ou cor de olhos, já que essas informações podem vir à tona, impedir que você consiga o trabalho e, ainda, arruinar as suas chances de trabalhar para essa companhia no futuro.

Aproveite para dar início na sua carreira de ator. Confira nossas turmas de Formação Profissional de Atores: www.braapa.com.br 😃🎬

 

Fonte: WikiHow 

45 anos da Campanha de Popularização Teatro e Dança – Belo Horizonte

684477c232ce4c24949fd1a229f654cf_original
(Foto Divulgação)

Uma Campanha realizada pelo Ministério da Cultura, Governo de minas Gerais, Prefeitura de Belo Horizonte, Globo, Instituto UNIMED-BH, Olé Consignado, Cimento Nacional, MGS, USIMINAS, CEMIG e Sinparc.
Acesse o Link: https://bit.ly/2slN9Ng e conheça mais sobre essa maravilhosa Campanha e a programação de 2019.

O ponto de partida se deu a paixão pelo teatro, com uma ideia e uma Kombi. Foi assim que surgiu a Campanha de Popularização do Teatro, uma iniciativa de produtores e artistas do Rio de Janeiro, que no inicio da década de 70, iniciaram um movimento para buscar novos públicos para as artes cênicas.

O Projeto veio com o lema “teatro para o Povo” e, consistia em reunir a produção teatral, diminuir o valor dos ingressos e disponibilizar um ponto móvel, no caso, a Kombi, para que as pessoas pudessem adquirir seus ingressos. A ideia foi tão próspera que em pouquíssimo tempo se espalhou pelo Brasil.
Em Belo Horizonte, o então Coordenador do Festival de Inverno da UFMG, Júlio Varella, solicitou ao Serviço Nacional do Teatro, ligado ao MEC, a vinda do Projeto para BH. E foi então que em 1973 BH teve a sua primeira Campanha, com duas Kombis que percorriam as praças e os principais pontos da cidade, vendendo seus ingressos.

Com o passar doa anos as coisas mudaram, mas a essência da Campanha ainda é a mesma: Popularizar as artes cênicas; proporcionar espaço para que a arte possa entrar e transformar a vida das pessoas. E acreditando no trabalho que fazem e na transformação que proporcionam, eles continuam mesmo diante das dificuldades encontradas. E é por isso que a Cidade de Belo Horizonte carrega dado estatístico de ser a Capital onde se tem o maior número de pessoas que têm acesso ao teatro, sendo 41% e, em seguida vem São Paulo com 345. Esse número é fortemente influenciado pela Campanha que há 45 anos abre as portas do Teatro para a cidade.

Em 2019 a Campanha completou 45 anos, com foco em resgatar a história.

(Por Rômulo Duque – Presidente do Sinparc)

Linha do Tempo da Campanha:

🎬 1971 – No início da década de 70, nasceu no Rio o Projeto Teatro para o Povo: Ingressos a preços especiais, vendidos em pontos de circulação do público.

🎬 1973 – O projeto chegou a BH, através dos esforços de Júlio Varella, então Coordenador do Festival de Inverno da UFMG.

🎬 1975 – Nesse ano, a Campanha vendeu pouco mais de 650 ingressos e não chegava a 20 o número de espetáculos participantes, entre teatro adulto e teatro infantil.

🎬 1980 – Na década de 70 e início de 80, a Praça Sete era o principal ponto de venda de ingressos, que passou a ter um posto fixo, além das Kombis que circulavam os bairros.
Com a reforma realizada na Praça Sete, o posto fixo de vendas foi levado para o atual Mercado das Flores, que se transformou, até os dias de hoje, em referência na venda de ingressos para teatro na cidade.

🎬 1984 – Na década de 80 a Coordenação da Campanha firmou parceria com a Rede Globo, trazendo maior divulgação e estendendo o alcance do Projeto.

🎬 1990 – A Lei Rouanet e as demais leis de incentivo à cultura, criadas no início da década de 90, permitiram ampliar a Campanha, que passou a contar com diversas empresas patrocinadoras.

A Campanha já foi realizada em 11 cidades de Minas Gerais, Além de Belo Horizonte.

🎬 2000 – Nesse ano, a Dança entrou na programação do evento que passou a ser chamada de Campanha de Popularização do teatro e da Dança.

🎬 2010 – No final da década de 2.010 houve ampliação dos postos de venda de ingressos, para atender a crescente demanda de público. Pouco depois, Sinparc criou o sistema de venda on line, trazendo maior comodidade para o público adquirir seus ingressos.

🎬  2013 – Esse ano foi um marco para a Campanha, que registrou o maior público da história do evento 395.544 espectadores.

🎬  Hoje – Atualmente, a Campanha gera mais de 2.000 empregos durante sua realização entre artistas, técnicos, produtores e demais trabalhadores do mercado cultural.

DICAS DE LIVROS QUE ATORES EM FORMAÇÃO PRECISAM CONHECER

photo-1527963841590-34ea3172750d

Confira esses grandes 10 exemplares!

🎬 1 – Carta aos Atores e Para Louis de Funes – Valère Novarina:
‘Carta aos atores’ foi escrito durante os ensaios da peça ‘O ateliê voador’ para o elenco que estreou o espetáculo em janeiro de 1974. O monólogo reflete sobre a arte da representação, recordando que é no ritmo que o sentido do texto de teatro se revela. Em ‘Para Louis de Funès’, o dramaturgo francês reflete sobre a palavra, o pensamento e o corpo do ator, explorando o papel do teatro na sociedade.

670093

🎬 2 – O Papel do Corpo no Corpo do Ator – Sonia Machado Azevedo:
A autora, Sônia Azevedo investiga princípios, técnicas e metodologia de criação nas artes cênicas, as quais têm como elemento fundante o corpo do ator. A máscara atoral é examinada desde a preparação de um corpo disponível à sua utilização, na abordagem fenomenológica de sua composição, no arranjo formal e estético dos signos utilizados na cena contemporânea, até o momento mesmo da apresentação, em suas reapresentações, na manutenção e recuperação diária das energias somáticas nela investidas. Compondo-se de três partes, que vão desde uma investigação de princípios norteadores do trabalho corporal na dança, nas terapias que o utilizam e, sobretudo, no teatro, o livro propõe práticas e uma metodologia para o preparo do intérprete teatral dos nossos dias, tanto na improvisação, na representação e na criação formal da máscara.

151969

🎬 3 – A Linguagem da Encenação Teatral – Jean-jacques Roubine:
Este estudo da evolução das artes cênicas oferece uma visão panorâmica do teatro moderno sem privilegiar escolas ou encenadores. Depois de definir o âmbito das atividades do encenador, o autor analisa a evolução do texto dramático, do espaço cênico, da ambientação visual e sonora e do conceito de ator – tudo à luz do trabalho e dos escritos de destacados encenadores, como Artaud, Craig, Stanislavski, Grotowski e Brecht, entre vários outros que contribuíram para a renovação dos recursos e conceitos cênicos. Obra sempre recomendada pelo saudoso Yan Michalski, que a traduziu e apresentou.

download

🎬 4 – A arte do ator – Jean-Jacques Roubine:
Ao caracterizar a arte do ator hoje, em toda a sua diversidade, esse livro não dispensa referências históricas que chegam ao teatro grego, à commedia dell’arte e à cena romântica, embora seu terreno privilegiado sejam os trinta anos que começam na década de 1950, com o pós-guerra. O universo do palco hoje é influenciado por vários fatores que não pertencem à esfera do teatro. Introduzidos pelo cinema ou pela televisão – como o close, por exemplo – ou mesmo pelas descobertas da psicanálise, estes fatores também são analisados. Ao falar do ator de hoje, evocando o intérprete de ontem, Jean-Jacques Roubine começa a formar nesse trabalho a silhueta do ator de amanhã.

🎬 5 – Manual mínimo do ator – Dario Fo:
Livro indispensável e uma referência necessária para todos os que se interessam por conhecer as técnicas da arte teatral, mais especificamente do teatro popular, que conseguem sensibilizar o espectador e motivá-lo a ficar atento à sequência da narrativa dramática. É Também uma obra que alia o conhecimento vivido dessas técnicas ao contexto mais amplo da cultura, mostrando como os procedimentos da representação descortinam uma realidade mais densa do que aquela veiculada pela simples informação.

download (1)

🎬 6 – A criação de um papel – Constantin Stanislavski:
O terceiro volume de uma trilogia tanto para os que atuam e dirigem, quanto para os que apenas estudam teatro. Os admiradores de A preparação do ator e de A construção da personagem apreciarão muitíssimo A criação de um papel. Neste livro, Stanislavski dedica-se a estudar “a preparação de papéis específicos, a partir da primeira leitura da peça e do desenvolvimento da primeira cena”, dissecando todo o trabalho que um ator deve executar para esquecer sua própria individualidade e assumir outra — aquela à qual vai dar vida no palco. A criação de um papel foi traduzido da edição americana pelo crítico e diretor teatral Pontes de Paula Lima, divulgador no Brasil dos processos cênicos criados por Stanislavski. Quer concordando, quer discordando da obra, no todo ou em algumas partes, é impossível não nos sentirmos estimulados e enriquecidos por ela.

A-Construção-da-Personagem-Constantin-Stanislavski-570x760

🎬 7 – A construção da personagem – Constantin Stanislavski:
Constantin Stanislavski, mestre do teatro russo, disseca todo o trabalho que um ator deve executar para esquecer sua própria individualidade e assumir aquela à qual vai dar vida no palco. Continuação de A preparação do ator, A construção da personagem transcende o interesse estrito dos profissionais ou amantes do teatro. Na verdade, é o romance da fascinante aventura do homem em busca de um conhecimento maior de si mesmo e de seu semelhante. A ênfase da obra recai na atuação como arte e na arte como a expressão mais alta da natureza humana.

4120+Y6TC9L

🎬 8 – A preparação do ator – Constantin Stanislavski:
Coube a Stanislavski a importante tarefa de sistematizar os conhecimentosintuitivos dos grandes atores do passado e de explicação ao ator contemporâneo como agir no momento da criação ou da realização. O seu sistema não é uma continuação das ideias expostas nos velhos manuais. É antes uma quebra da tradicional maneira de ensinar. O trabalho do ator, segundo o sistema de Stanislavski, não equivale a um estilo de representação. É, como qualquer técnica, um meio e não uma finalidade. É o próprio Stanislavski quem diz: “Ele (seu sistema) só tem utilidade quando se transforma numa segunda natureza do ator, quando este deixa de se preocupar com ele e quando seus efeitos começam a aparecer naturalmente em seu trabalho.” A técnica deve ser absorvida e nunca aparecer na realização. Esta é o resultado, e a técnica funciona então como estímulo ao processo criador.

🎬 9 – Paulo Autran: um Homem no Palco – Alberto Guzik:
As vésperas de completar cinquenta anos de carreira, Paulo Autran, em fase exuberante, atinge o topo de uma carreira que se confunde com a própria história dos palcos brasileiros. É essa história que ele conta neste livro – entremeada com suas lembranças da infância, da família, dos amigos, dos tempos de estudante e dos anos de formação como ator -, em várias horas de entrevista concedidas ao jornalista e crítico teatral Alberto Guzik.

🎬 10 – Bertolt Brecht: Teatro Completo – Vol. 1 – Bertolt Brecht:
O objetivo desta obra é oferecer aos interessados, um texto confiável de todas as peças de Brecht em língua portuguesa, neste primeiro volume encontram-se as seguintes peças: Tambores na noite (1919) Tradução: Fernando Peixoto O casamento do pequeno burguês (1919) Tradução: Luiz Antônio Martinez Corrêa com a colaboração de Wilma Rodrigues O mendigo ou o cachorro morto (1919) Tradução: Fernando Peixoto Luz nas trevas (1919) Tradução: Geir Campos A pescaria (1919) Tradução: Erlon José Paschoal Ele expulsa um diabo (1919) Tradução: Erlon José Paschoal

3 Peças Teatrais para curtir nesse final de semana (15 e 16 de Dezembro-2018)

piratasdocarambaum
(Foto: Divulgação)

Esse será o último final de semana em cartaz dessas 3 peças. Aproveite!!!

🎬 1 – Piratas do Caramba:

Os piratas Capitão Pantufa, Espadinha e Barnabé passam os dias recolhendo os lixos pelos oceanos e lembrando das antigas batalhas. Em certa manhã, encontram uma misteriosa garrafa que poderá transformar suas vidas.
Surge um dilema: Continuar suas vidas pacatas ou se arriscar no mar em busca do tesouro. |eles decidem por novas aventuras.
Uma peça com muito humor aonde o público é estimulado a interagir por diversos momentos. Segundo o ator, autor e diretor Rafael Pequeno, em alguns momentos as crianças são responsáveis pelo destino da tripulação.

Local: Teatro Folha. Avenida Higienópolis, 618, 01238-000

🎬 2 – Shrek Musical TYA:

Essa peça é uma versão brasileira do consagrado musical da Broadway e do filme vencedor do Oscar. O espetáculo traz uma mensagem engraçada e emocionante para toda a família. O cenário é rotativo, é cantado ao vivo, tem grandes coreografias e um impressionante jogo de luz.
Era uma vez um pântano distante, onde vivia um ogro chamado Shrek. Quando de repente, seu sossego é interrompido pela invasão de personagens de contos de fadas que foram banidos de seu reino pelo malvado Lorde Farquaad. Determinado a salvar o lar das pobres criaturas, e também o dele, Shrek faz um acordo com Farquaad e parte para resgatar a princesa Fiona. Porém, resgatar a princesa pode não ser nada comparado com seu segredo profundo e sombrio.

Local: Teatro Novo. Rua Domingos de Moraes, 348 (Vila Mariana)

🎬 3 – Confissões das mulheres de 30:

Trata-se de uma comédia que ficará em cartaz no teatro Folha até o dia 15 de dezembro.
Com a interpretação das atrizes Camila Raffanti e Juliana Araripe que voltaram com uma encenação atualizada dos textos de Domingos Oliveira que tratam dos amores, conflitos e descobertas das mulheres que vivem nesta faixa etária.
A peça mostra de maneira divertida o que muitas mulheres pensam e como lidam com seus desejos, sonhos, realizações e frustrações típicas dessa fase da vida. Sexo, casamento e separação, trabalho, preocupação com a maturidade e o descontrole emocional são um dos temas tratados no espetáculo.

Local: Teatro Folha. Avenida Higienópolis, 618, 01238-000

 

10 Leituras indispensáveis para atores

photo-1525715843408-5c6ec44503b1

A leitura é fundamental para qualquer pessoa, sendo ele um ator ou não, nunca é demais obter conhecimento, isso ajuda a abrir os horizontes e a nos despertar em muitos sentidos. Mas, o nosso foco aqui, são para atores que estão em formação. Por isso, trouxemos uma lista de 10 grandes livros com métodos de exercícios e com renomados nomes do Teatro Mundial, que serão de grande valia para você que quer engajar nesse mundo. Confira:

🎬 1- História Mundial do Teatro – J. Guinsburg:
Trata-se de um manual para atores profissionais e amadores, professores e crianças, escola, centros comunitários. Para os diretores de teatro propicia uma compreensão dos problemas enfrentados pelos atores e das técnicas para solucioná-los. Promove, ainda, uma discussão dessa atividade na educação, na dança, na psiquiatria, na convivência social e na criatividade artística.

captura2

🎬 2 – O Jogo Teatral no Livro do Diretor – Viola Spolin:
Este livro é uma aplicação prática do famoso método pelo qual Viola Spolin foi chamada ‘a grã-sacerdotisa do teatro improvisacional’. A autora mostra, de forma lúdica, como suas técnicas podem ser utilizadas em larga variedade de situações, e também para o amadurecimento e a integração dos participantes do projeto teatral.

🎬 3 – Dicionário de teatro – Patrice Pavis:
É uma obra conhecida internacionalmente que Traz verbetes, traduzidos por professores e pesquisadores do campo, onde são sintetizadas e discutidas questões da dramaturgia, da encenação, da estética, da semiologia e da antropologia da arte dramática, o que o constitui o saber sobre a história, a teoria e a prática da criação teatral.

🎬 4 – O Ator invisível – Yoshi Oida:
Neste manual da arte de representar, o autor demonstra a amplitude de sua experiência nas técnicas de representação, do Oriente e do Ocidente, do tradicional e do experimental, do texto escrito e do improvisado, do cinema e do teatro, do corpo a voz.

captura5

🎬 5 – Cartas à uma Jovem Atriz – Marília Pera:
Contemplando a visão de Marília Pêra, este livro mostra o verdadeiro papel do artista na sociedade brasileira, além de trazer, em pormenores, as dificuldades, os prazeres, as ilusões e a realidade desta profissão secular idolatrada pelos brasileiros em geral. Marília ensina, por exemplo, que nada deve ser feito se não for bem feito e que todos, de um modo ou de outro, são artistas da vida que levam.

🎬 6 – O teatro Épico – Anatol Rosenfeld:
O autor se lança através da história do teatro, pondo em relevo as manifestações do épico na cena do Ocidente, desde sua emergência na Grécia por meio da análise dos recursos e peças utilizadas por dramaturgos, diretores e correntes teatrais, seja da Idade Média, do Renascimento e do Barroco, ou da época elisabetana, do Romantismo e do Naturalismo até a sua cristalização maior na dramaturgia brechtiana. Uma importante contribuição de Anatol Rosenfeld para os estudos literários e teatrais.

🎬 7 – Performance Como Linguagem – Renato Cohen:
A partir da observação das realizações de artistas como Joseph Beuys, Laurie Anderson e grupos como o Fluxus, entre outros, são focalizadas as diversas vertentes da performance, que vão dar ritualização à arte conceitual, bem como ao chamado teatro de imagens. Estudando a manipulação de signos com que os artistas criam estas formas de encarnação imagística e expressiva dos espaços cênicos, propõe uma espécie de ‘antimídia’ que se contrapõe ao discurso da mídia institucionalizada.

Capturar8

🎬 8 – Improvisação para o Teatro – Viola Spolin:
Manual para atores profissionais e amadores, professores e crianças. Para a escola e os centros comunitários oferece um detalhado programa de oficinas de trabalho. Aos diretores de teatro propicia uma compreensão dos problemas enfrentados pelos atores e das técnicas para solucioná-los. Promove, ainda, uma discussão dessa atividade na educação, na dança, na psiquiatria, na convivência social e na criatividade artística.

captura9

🎬 9 – O Teatro Brasileiro Moderno – Décio de Almeida Prado:
Décio de Almeida Prado é um dos poucos homens de teatro que podem contar na primeira pessoa cinqüenta anos de teatro no Brasil – primeiro, enquanto espectador assíduo, nos anos 30; e, a partir do pós-guerra, através de uma atividade crítica que é pedra fundamental do moderno teatro brasileiro. Décio dá aqui seu testemunho na análise das principais realizações dramatúrgicas e cênicas de meio século decisivo no curso da arte dramática nacional. Assim, o acompanhamos desde o teatro de Procópio Ferreira, passando pela criação do TBC – que por sua vez originou o Arena e o Oficina – para finalmente chegar à multiplicidade algo diluidora do teatro atual. ‘O Teatro Brasileiro Moderno’, dessa forma, é uma chave para a compreensão de um espetáculo que ainda não terminou.

captura10

🎬 10 – O que é Dramaturgia? – R. Pallotini:
“O que é dramaturgia” pretende – e consegue – expor a leitores dos mais variados tipos os segredos da arte de escrever roteiros, textos dramáticos e afins, além de fornecer aos estudiosos do assunto informações sobre os princípios teóricos básicos desse tema. Pensado para quem inicia a sua caminhada, “O que é dramaturgia” insiste em não complicar quando é possível explicar.

Desejamos uma ótima e proveitosa leitura a todos! 📚🎬

#dicasdeleitura #livros #beneficiosdoteatro #curso #cursointensivo #formaçãoprofissionaldeatores #cursodedublagem #sejaumdublador #braapa #turmasmatinais #turmasnoturnas #teatro #tv #cinema #cursodeteatro #escoladeteatro #vilamadalena #sumare #incriçoesabertas #garantasuavaga #euamoteatro #vemparaoteatro #dezembro2018

Curso Intensivo de Formação profissional de Atores

curso intensivo

Este curso intensivo da BRAAPA tem como diferencial a grade curricular inovadora que inclui, além da disciplina de “Interpretação para TV e Publicidade”, a disciplina de “Desenvolvimento Pessoal” que contém orientação na carreira e treinamento, inclusive, com técnicas de “Programação Neurolinguística (PNL)”, sendo a única escola do mercado, nesse segmento, a ter uma disciplina como essa dentro de sua grade curricular.
Talvez essa seja a razão pela qual um grande percentual dos atores formados pela escola estejam atuantes no mercado, construindo suas trajetórias artísticas de maneira mais consciente e atuando em teatro, TV, cinema, publicidade, dublagem, etc.

🎬 – Objetivo:

O curso foca na vida profissional dos futuros atores dentro da realidade do mercado de trabalho, preparando-os também para a linguagem televisiva e publicitária, bem como a estruturação emocional e intelectual do aluno para ser um profissional de sucesso. Antes de tudo, um ser humano artista, para que possa exercer a sua arte.
Diferenciais:

1) O único curso de formação profissional do mercado que tem incluso na sua grade curricular, aulas de “Interpretação para TV e Publicidade” e “Desenvolvimento Pessoal”;

2) Modalidade Intensiva capaz de formar o aluno em 22 meses sem diminuir a carga horária. (IDEAIS para alunos residentes em outras cidades);

3) Orientação para o Mercado,

4) Orientadores artísticos atuantes no mercado de trabalho,

5) Apresentações em teatro ao final do 1º, 2º e 3º módulos no FIBRA Teatral (Festival Interno de Teatro BRAAPA),

6) Montagem final de espetáculo (4º módulo),

7) Aulas de interpretação para TV gravadas em vídeo e avaliadas ao final de cada aula,

8) Melhor custo benefício do mercado,

9) Pela sua duração e objetividade tem sido procurado, também, por pessoas que buscam a carreira com intenção de seguir na área da dublagem.
Carga horária: 1.400 horas

🎬 – Disciplinas Oferecidas:

História do teatro, expressão vocal, expressão corporal, interpretação e jogos teatrais,
cenografia, figurino e maquiagem, leitura dramática, literatura dramática, interpretação para TV e publicidade, ética, legislação e produção. Esse curso, além de prepará-lo para a carreira, é uma preparação para a vida.
Os Atores formados pela BRAAPA têm sido bem vistos pelos profissionais que atuam nas seleções de elenco do mercado de trabalho artístico, o que faz toda a diferença para aquele que realmente pretende seguir uma carreira sólida.
Ter os nossos alunos sendo recebidos com respeito e bem avaliados por profissionais experientes, demonstra o resultado de um trabalho sério e dedicado de anos, por uma equipe de orientadores de qualidade e atuantes na área artística.
Se você tem desejo, vontade de ingressar na carreira, dedicação e garra de aprender e vencer, esse curso é a melhor escolha. Nós temos a experiência, empenho e prazer em prepará-lo para o caminho.
Ao escolher esse curso, você escolhe transformar sua vida.
📣ATENÇÃO: Para obter o certificado de conclusão final, o aluno precisa ter 75% de presença mínima e média 6,0 (seis) em todas as disciplinas.
Curso Livre Preparatório para o registro profissional (DRT) pelo SATED/SP através de convênio entre o Sindicato e a Escola, que segue as normativas exigidas pela entidade para as escolas conveniadas.

🎬 – PRÉ-REQUISITO

Idade mínima: 14 anos
Ensino fundamental (1º grau completo)

Acesse o Link e confira as turmas: https://bit.ly/2xxltZO

#beneficiosdoteatro #curso #cursointensivo #formaçãoprofissionaldeatores #cursodedublagem #sejaumdublador #braapa #turmasmatinais #turmasnoturnas #teatro #tv #cinema #cursodeteatro #escoladeteatro #vilamadalena #sumare #incriçoesabertas #garantasuavaga #euamoteatro #vemparaoteatro #novembro2018

Teatro da Melhor Idade

feliz-casal-de-idosos-em-lar-de-idosos_23-2147817091

A Terceira e Melhor Idade
Conheça a primeira academia para o cérebro
‘O Curso de Teatro da Melhor Idade’

Quem foi que disse que o cérebro não precisa de exercícios para se manter ativo? Se o nosso corpo necessita de malhação para ficar sempre em ordem e cheio de disposição, por que com a mente seria diferente?
O cérebro também vai perdendo sua capacidade produtiva ao longo dos anos e, se não for treinado com exercícios, pode falhar.
Tal como o corpo, para se desenvolver de forma equilibrada e plena, a mente também precisa ser treinada, estimulada e desenvolvida ao longo da vida. É comum não prestarmos atenção naquilo que fazemos de forma mecânica, por isso costumamos esquecer das ações que executamos pouco tempo depois.
Mulheres e homens, a partir dos 60 anos, estão cada vez mais ativos e em busca de atividades que estimulem o físico e a mente.

🎬 – O Teatro da Melhor Idade

O Teatro da Melhor Idade é um curso da BRAAPA Escola de Atores (www.braapa.com.br) voltado para o público com mais de 55 anos.
A BRAAPA é a primeira escola de formação Profissional de Atores a oferecer ao público da terceira idade/ melhor idade um espaço exclusivo para expressão artística.
“Estimulando o cérebro a desempenhar novas atividades, ativando os sentidos por meio de exercícios e fazendo com que se preste mais atenção nas ações do cotidiano ajudamos a evitar o ‘ócio’ dos neurônios, colaboramos assim para o aumento da qualidade de vida, em qualquer idade”, afirma André Bravo Valente, idealizador do projeto para terceira idade na Braapa.
Vale lembrar, que de acordo com estudos científicos, estimular o cérebro com novos exercícios e aprendizado beneficia a vida como um todo além de ajudar a prevenir doenças como Alzheimer para aqueles que, eventualmente, tenham pré-disposição genética.
Além de todos os benefícios para a saúde, a presença de atores com idade a partir de 55 no teatro deve ser estimulada porque no mercado há uma carência grande de atores seniores. A madrinha da BRAAPA é Laura Cardoso, uma atriz que continua nos palcos brilhantemente com 91 anos.

🎬 – Serviço:

🎬 – Curso de Teatro da Melhor Idade – BRAAPA Escola de Atores: atividades para idosos subirem aos palcos.
Homenagem à madrinha da escola, a atriz Laura Cardoso.

🎬 – Objetivo: desenvolver habilidades teatrais, que conduzam a interpretação coletiva estimulante capaz de enriquecer suas vidas como um todo.
Indicado para pessoas a partir de 55 anos (com ou sem experiência no universo artístico)

Muito bom, não é mesmo?!

E se você ficou interessado em participar desse Curso, já temos data, confira:

Início: 18/03/2019
Duração: 4 meses
Aulas às 2as feiras das 14h às 17h
Vagas: 25

Workshop de Clown / Palhaço “O Outro lado do Riso” com Eduardo Mancini

Capturarblog
Foto: Márcio Claro@2018

Globalização, Internet, mecanização e todos esses avanços tecnológicos, nos distanciam de nossos princípios básicos. Afinal o que somos: máquinas? Ou seres humanos?
A cada dia necessitamos resgatar nossos sentimentos mais profundos, devolver nossa espontaneidade, enfim reencontrar aquela criança que a cada dia vai se distanciando de nós mesmos, sendo sufocada pelo cotidiano.
O teatro, através da comédia e principalmente enfocando o “Clown/Palhaço”, estimula nossa criatividade, libera nossas emoções, nos aproxima da nossa criança e das outras pessoas de uma forma mais plena, tornando o nosso viver mais prazeroso.
O Outro lado do Riso…, é um Workshop de introdução a “Comicidade e ao Lúdico”, é uma iniciação ao cômico, enfim é uma tentativa de tornar mais fácil o desenvolvimento desta difícil tarefa que é “fazer rir”.
O clown é um eterno desajustado com as coisas cotidianas, é inapto para tarefas corriqueiras, é um ator desnudado de máscaras e arquétipos, é covarde e corajoso, é bom e é mau, enfim é um “ser humano na sua plenitude”, um flagrante de humanidade.
A Comédia Contemporânea, que chega ao grande público está se distanciando do Lúdico, da Poesia e do Patético, elementos que sempre estiveram presente em grandes atores (Charles Chaplin, Buster Keaton, Peter Selers, Oscarito, Grande Otelo e muitos outros).
Objetivamos com esse Workshop despertar o “espirito Clownesco“, buscar o lado engraçado que todos nós temos, mas que normalmente bloqueamos, também daremos noções básicas do trabalho de Palhaço em hospitais.

Programação geral:

 – Panorama histórico cultural do clown/Palhaço
 – Surgimento e evolução
 – Linhas de trabalho
 – Espaços de atuação (circo, cinema, TV, teatro, rua)
 – Expressão corporal (aquecimento)
 – Descobrindo as possibilidades corporais para o clown
 – Andar, Correr, Sentar, olhar
 – Como trabalhar com objetos do cotidiano
 – Bola, Cadeira, Comida
 – Descobrindo suas potencialidades e explorando suas deficiências
 – Romântico, Bruto, Lúdico, Patético, Arrumadinho, Atrapalhado
 – O elemento surpresa e o inusitado
 – A cumplicidade / e a triangulação
 – Um jeito único para fazer: um discurso, uma mágica, contar uma piada
 – O Palhaço no ambiente hospitalar.
 – Como entrar no quarto
 – Reconhecendo o espaço
 – Observando os pacientes / acompanhantes / Equipe médica
 – Aprendendo a trabalhar em dupla

SOBRE EDUARDO MANCINI – FORMAÇÃO ARTÍSTICA:

 – Clown – Cristiane Paoli Kitto – Gabriel Guimard
 – Cinema – Studio Fátima Toledo (núcleo de atores)
 – Teatro – Espaço Teatro & Cia (Rubens Brito)

CINEMA:

 – Boleiros – 1998 –
 – Hugo Giorgetti – Personagem – Líder da Gaviões da Fiel
 – A Hora Mágica – 1999 –
 – Guilherme De Almeida Prado – Personagem – Cenotécnico
 – Mangueira “Amor Que Fica“ – 2000 Marco Altberg – Personagem – Ator De Teatro
 – Bicho De Sete Cabeças – 2001
 – Lais Bodanski – Personagem – Interno do manicômio
 – Carandiru – 2004
 – Hector Babenco – Personagem – Dono do Bar
 – O Casamento De Romeu E Julieta – 2005
 – Bruno Barreto – Personagem – Torcedor
 – Os Doze Trabalhos – 2007
 – Ricardo Elias – Personagem – Mano Veio (Motoboy)

TELEVISÃO – CONTRATO – GLOBO:

 – Escrito nas Estrela (2010) – Elizabeth Jhin – Direção – Papinha – Personagem – Manoel (Lider de Comunidade)
 – Eterna Magia ( 2007 ) – (Elizabeth Jhim) – Direção – Ulisses Cruz – Personagem – Gonzaga – Barbeiro
 – Esperança – 2002 ( Benedito Rui Barbosa ) – Direção – Luiz Fernando Carvalho – Personagem – Amadeu ( Morador do Cortiço )

OUTRAS PARTICIPAÇÕES:

 – Cilada Personagem – Médico
 – Diarista Personagem – Pastor ( Piadistas Anonimos )
 – Belíssima Personagem – Italiano
 – Denise Fraga – Personagem – Garçon
 – Zorra Total – Personagem – Várias participações
 – Chico Anisyo (O Belo e as Feras) – Personagem – Contador
 – Torre de Babel – Personagem – Detetive
 – SBT – Fascinação e Razão de Viver

TEATRO:

 – 2011 a 2012 – Pesadelo – Texto e Direção – Tin Urbinatti
 -2009 a 2010 – Foices, Fuzis e Fações (Adaptação dos Fuzis Da Sra Carrar) – Texto e Direção – Maria Cecília Garcia
 -2005 a 2006 – Hoje o Dia Promete – Texto – Eduardo Mancini e Cleo Moraes – Direção – Eduardo Osório
 – 2000 a 2004 – Sos Planeta Terra – Texto – Eduardo Mancini Direção – Cleo Moraes
 – 1997 a 2001 – Guerra Dos Sexos – Direção – Maisa Aché
 – 1998 a 2000 – O Mundo Mágico De Monteiro Lobato Texto – Maisa Aché
 – 1995 – Alberto Santos Dumont – Texto – Dario Uzam Direção – Lourival Brasil
 – l992 a 1995 – O Homem Que Calculava – Texto – Malba Tahan Direção – Celso Saiki
 – l991 a l994 – O Pequeno Imperador Texto – Atilio Bari Direção – Milton de Almeida
 – l990 a 1995 – Caras De Plauto Texto – Tito Plauto Direção – Milton de Almeida
 – l989 a l990 – Mirandolina Texto – Carlo Goldoni Direção : Milton de Almeida
 – l987 a l989 – Mandrágora Texto – Maquiavel Direção : Milton de Almeida / Jamil Dias

OUTRAS ATIVIDADES ARTÍSTICAS:

 – Ministra oficinas de teatro e de Clown
 – Autor / Diretor e Produtor de Teatro
 – Há 10 anos Desenvolve trabalho de Palhaço em Hospital e ONG

Confira mais em: https://bit.ly/2FeyfAx

#embreve #sampa #beneficiosdoteatro #curso #cursointensico #formaçãoprofissionaldeatores #cursodedublagem #sejaumdublador #braapa #turmasmatinais #turmasnoturnas #teatro #tv #cinema #cursodeteatro #escoladeteatro #vilamadalena #sumare #incriçoesabertas #garantasuavaga #euamoteatro #vemparaoteatro #novembro2018

Peças Teatrais e Musicais em São Paulo Para Você Apreciar Em Novembro.

Aproveite esse momento cultural em família ou com amigos. Aprecie sem moderação!😉🎬

BRAAPA1
Jarbas Homem de Mello em Chaplin – O Musical. Foto: Divulgação

1º – Chaplin – O Musical:
Terá nova temporada no Teatro Net São Paulo entre os dias 03 a 25 de novembro. O musical percorre a carreira de Chaplin desde quando era uma criança em Londres até a sua fama mundial, passando pelos seus filmes mais consagrados e seus personagens mais marcantes. O elenco de Chaplin – O Musical além de Jarbas Homem de Mello conta com Juan Alba, Myra Ruiz, Naíma, Paula Capovilla, Julio Mancini e Paulo Goulart Filho. A versão brasileira é assinada por Miguel Falabella.

BRAAPA2
Michel Teló em cena do musical Bem Sertanejo. Foto: Divulgação

2º – Bem Sertanejo – O Musical:
Contando a história da música sertaneja pelos seus grande sucessos, desde a sua origem até os dias mais recentes, traz no repertório cerca de 56 sucessos de nomes consagrados, o espetáculo é estrelado por Michel Teló e têm texto e direção de Gustavo Gasparani. O musical passa novamente por São Paulo em curta temporada no Tom Brasil, nos 09, 10 e 11 de novembro.

BRAAPA3
Foto: Divulgação

3º – Musical Natal Mágico:
O Musical Natal Mágico de Billy Bond está de volta no Teatro Bradesco em dezembro, trazendo toda a grandiosidade de cenários, efeitos especiais e muita interação que tanta agrada o público de todas as idades. O Papai Noel vai comandar a viagem mágica que passa pelo mundo dos contos de fadas, super-heróis, sucessos do cinema e canções clássicas de natal. As apresentações acontecem nos dia 10, 11, 15, 17 e 18 de novembro.

BRAAPA4
Foto: Divulgação

4º – QUARTA-FEIRA, SEM FALTA, LÁ EM CASA
Debruçada sobre um tom divertido de comédia, Quarta-feira, Sem Falta, Lá Em Casadiscute a solidão e a maneira como lidamos com ela. É através de Alcina (Eva Wilma) e Laura (Suely Franco), que esse texto de 1976 levanta argumentos tão pertinentes à condição humana e suas relações para abordar de maneira sensível questões relacionadas à terceira idade e as dificuldades em lidar com as gerações mais novas.
Serviço
Onde: Teatro Porto Seguro – Al. Barão de Piracicaba, 740, em São Paulo
Temporada: 6 de outubro a 25 de novembro de 2018
Horário: Sextas e sábados, às 21h. Domingos às 19h.

O Eterno Retorno do dramaturgo paulistano Samir Yazbek - Foto Lenise Pinheiro - Divulgação
O Eterno Retorno, do dramaturgo paulistano Samir Yazbek (Foto: Lenise Pinheiro/ Divulgação)

5º – O ETERNO RETORNO
O Eterno Retorno, do dramaturgo paulistano Samir Yazbek, estreia em São Paulo. Dirigido por Sérgio Ferrara, espetáculo traz no elenco Carlos Palma, Gustavo Haddad, Helô Cintra Castilho, Luciano Gatti e Patricia Gasppar. O espetáculo integra o projeto Samir Yazbek – Textos Inéditos que ainda conta com uma série de leituras dramáticas de obras inéditas do dramaturgo.
Serviços
Onde: Sesc 24 de Maio – Rua 24 de Maio, 109, em São Paulo
Temporada: .9 de novembro a 22 de dezembro de 2018
Horário: às 21h.

Flauta Mágica - Foto Foto Divulgação
Foto: Divulgação

6º – A FLAUTA MÁGICA
A Flauta Mágica, da Cia Imago, é um espetáculo infantil inspirado livremente na ópera homônima de Amadeus Mozart e Emanuel Schikaneder. Na direção Tucci Fattore e Naya Sáe no elenco Naya Sá e Tucci Fattore.
Onde: Teatro Alfa – Rua Bento Branco de Andrade Filho, 722, em São Paulo
Temporada: 6 de outubro a 25 de novembro de 2018
Horário: Sábados e domingos, às 17h30.

FONTE: https://bit.ly/2P2ALQa e https://glo.bo/2qmE0Dd

Curso de Dublagem – Entenda quais são os principais objetivos do curso

WhatsApp Image 2017-08-26 at 15.57.00 (1)

O Curso de Dublagem na BRAAPA possui duas vertentes: Curso de Iniciação à Dublagem e Curso Imersão em Dublagem. Ambos ministrados pelo Professor Tiaggo Guimarães. Atualmente, é o dublador do personagem “Berlín”, na série “La Casa de Papel” e, também, do personagem “Manda Chuva” no longa “Manda-Chuva – O filme”, com estreia prevista em 2018.

🎬 Curso de Iniciação à Dublagem

Possui duração de 4 meses e tem como objetivo principal desenvolver habilidades referentes à atuação do ator dentro de um estúdio de gravação, adquirindo consciência vocal e capacidade de interpretação de texto com foco na oralidade e musicalidade.

🎬 Desenvolvimento do Plano em Sala

– Preparação vocal com exercícios de dicção, articulação, respiração correta e limpeza vocal, assim como conhecimento do aparelho fonador, fisiologia da voz e elementos básicos da fonética.

– O ator em estúdio: quais os equipamentos utilizados, cuidados ao gravar, postura e atitudes durante gravação.

– Interpretação e co-criação para personagem: descobrindo e aprendendo a lidar com a musicalidade de cada idioma.

– Análise e estudo sobre os tipos de dublagens: sincronismo e voice-over.

– Exercícios práticos seguidos de análise: dublando desenhos, seriados, e filmes em diversos idiomas.

– Explicação sobre o mercado profissional: formas de atuação, nichos, estúdios de dublagem existentes. tes.

Ao término do curso, a avaliação final consiste em uma simulação individual de gravação de um trabalho em estúdio de dublagem com material ainda não usado em sala, e com tempo limite para finalizar.

🎬 Curso Imersão em Dublagem

Possui duração de 10 meses e tem como principal objetivo desenvolver e aprimorar habilidades referentes à atuação do ator dentro de um estúdio de gravação, adquirindo consciência vocal e capacidade de interpretação e análise de texto com foco na oralidade e musicalidade.

🎬 Desenvolvimento do Plano em Sala

– Preparação vocal com exercícios de dicção, articulação, respiração correta e limpeza vocal, assim como conhecimento do aparelho fonador, fisiologia da voz e elementos básicos da fonética.

– O ator em estúdio: quais os equipamentos utilizados, cuidados ao gravar, postura e atitudes durante gravação.

– Interpretação e co-criação para personagem: descobrindo e aprendendo a lidar com a musicalidade de cada idioma.

– Análise e estudo sobre os tipos de dublagens: sincronismo e voice-over.

Módulo 1 – Desenhos Animados: voz para personagens caricatos, explorando diversas regiões dentro do trato vocal;

Módulo 2 – Filmes em Inglês: dramas, comerias, ação e seriados;

Módulo 3 – Filmes Estrangeiros: francês, chinês, italiano, espanhol, russo, alemão;

Módulo 4 – Realitys e Voice-Over: naturalidade e imprevisibilidade da voz.

– Mercado Profissional: formas de atuação, nichos, orientações para inserção no mercado, estúdios de dublagem existentes.

No Curso de Imersão à Dublagem, o aluno também é submetido à uma avaliação final, que consiste em uma simulação individual de gravação de um trabalho em estúdio com material ainda não usado em sala, e com tempo limite para finalizar.

🎙 Saiba mais em: http://cursodeteatro.com.br/curso-de-dublagem/

#curso #formaçãoprofissionaldeatores #cursodedublagem #sejaumdublador #braapa #turmasmatinais #turmasnoturnas #teatro #tv #cinema #cursodeteatro #escoladeteatro #vilamadalena #sumare #incriçoesabertas #garantasuavaga #euamoteatro #vemparaoteatro #outubro2018